Moram no Abrigo Anália Franco 22 crianças e adolescentes de zero a 17 anos e 11 meses, encaminhados pela Vara da Infância e Adolescência em consequência de abandono, abuso ou maus tratos.

Inaugurado em outubro de 2000 em parceria com a Prefeitura de São Paulo, o Abrigo está instalado em uma ampla casa, alugada pela PMSP, contendo 3 salas, brinquedoteca, biblioteca, consultório médico, 4 quartos com closet, refeitório, cozinha, despensa e 7 banheiros.

Mantemos este espaço como um lar. Um grande lar com 22 pessoas com histórias diferentes, difíceis e sofridas, mas com grandes possibilidades de superação e realização, recebendo um encaminhamento carinhoso para uma vida produtiva e bem sucedida.

Rodas de conversa, dinâmicas de grupo, são atividades que fazem parte do dia a dia dos abrigados. Participações em exposições culturais, cinemas e teatro, completam as ações que promovem uma ampliação de horizontes e uma vida mais feliz e digna para cada um.

O encaminhamento para a reintegração familiar, metodologia do Gotas hoje estipulado por lei, é trabalhado cuidadosamente com preparação e acompanhamento da Orientadora Familiar, da Psicóloga e da Assistente Social do Abrigo.